O dia que quis ir para a Serra da Capivara e nenhuma agência me levou

Última atualização em

Estava tudo certo! Teria uma semana de férias e tinha decidido conhecer a Serra da Capivara. A semana seria em novembro, e em agosto, comecei a pesquisar.

Mas, por incrível que pareça, me deparei com uma enxurrada de “nãos” no planejamento da minha viagem ao famoso parque do Piauí.

Continue comigo para entender minhas férias frustradas.

A Serra da Capivara

Muitas pessoas viajam o mundo para ver a história de outros países: destinos como Egito e Grécia chamam a atenção por mostrarem ruínas e monumentos milenares.

Um prato cheio para os amantes de história.

Mas você sabia que o maior parque de Arte Rupestre do mundo fica no Brasil ?

Arte Rupestre é a denominação das representações artísticas pré históricas feitas em paredes de cavernas, rochas e superfícies.

Arte Rupestre
Quais seriam as mensagens que as pessoas queriam passar na Arte Rupestre ?

Como diz o grande blogueiro Ricardo Freire: “A Serra da Capivara é a nossa Petra, a nossa Pompéia”

Pois é, o parque que é Patrimônio da Humanidade da UNESCO coleciona adjetivos, os quais mostram sua enorme importância

O lugar é um museu a céu aberto, além disso o conjunto de formações rochosas é muito bonito.

Serra da Capivara
Além de toda importância pré histórica, a região é muito bonita.

Porém, só vi em fotos.

O parque é uma unidade de conservação arqueológica, e mesmo que você não entenda ou não goste muito deste tipo de turismo, valeria a pena conhecer, por conta de ser um Patrimônio Brasileiro.

Todos estes adjetivos fizeram meus olhos brilharem. Teria a oportunidade de conhecer o lugar e depois escrever aqui no blog, incentivando mais pessoas a conhecer um pouco mais do nosso Brasil.

Serra da Capivara
A Pedra Furada é um dos símbolos da Serra da Capivara

Além do mais, o Parque fica no Piauí, um dos poucos estados brasileiros que não conheço.

Mas, recebi um balde de água fria.

Onde fica a Serra da Capivara

O parque fica localizado no sul do Piauí, e a cidade base para conhecê-lo é São Raimundo Nonato.

Só a oportunidade de desbravar esta parte do Brasil, já me deixava empolgado. Adoro as praias do Nordeste brasileiro, mas sou mais apaixonado ainda pelo interior.

Fiquei fascinado, por exemplo, quando conheci Caruaru e o agreste pernambucano. Adorei a riqueza cultural da região.

Praça Coronel João Guilherme no centro de Caruaru
Praça Coronel João Guilherme no centro de Caruaru

Mas vamos voltar à Serra da Capivara, e entender porque “fiquei na mão”.

Como ir para o Parque Nacional Serra da Capivara

Basicamente, existem duas maneiras: por Teresina ou por Petrolina.

Por Teresina são 510Km até o parque e por Petrolina 380 Km. As duas cidades, com certeza, também fariam parte do meu roteiro. Entre uma e outra, escolhi Petrolina.

O motivo de escolher ir por Petrolina, é que queria passear pela cidade, e ver a emblemática divisão, onde o Rio São Francisco decide quem é baiano e quem é pernambucano.

Lá do lado baiano fica Juazeiro.

Eu sou apaixonado pelo Rio São Francisco desde criança, lembro-me que na escola ficava encantado com a história das carrancas no rio que “sobe”.

A linda paisagem às margens do Rio São Francisco
A linda paisagem às margens do Rio São Francisco

Já tive oportunidade de conhecer os Cânions do Rio São Francisco e sua bela Foz nas proximidades de Piaçabuçu, em Alagoas.

Navegando no Velho Chico até a Foz do Rio São Francisco.
Navegando no Velho Chico

Se pudesse, entraria num barco na nascente e percorreria todo seu caminho, pois o Rio São Francisco é um dos mais importantes e belos do nosso país.

Mas não seria desta vez.

Petrolina e Juazeiro

Li bastante sobre as duas cidades e fiquei bastante interessado em conhecê-las.

Já tinha decidido ficar um final de semana por ali antes de desbravar o Parque da Serra da Capivara.

Tem um passeio de barco que me pareceu bastante interessante, e também li sobre um tour de vinhos. Para quem não sabe, a qualidade das uvas naquela região é ótima.

Vinícola
Vinho no Nordeste ? Sim, temos!!

Pronto, já teria um roteiro perfeito, pois conheceria a Vinícola Terra Nova, Petrolina, Juazeiro e a Serra da Capivara

Gosto muito de roteiros diversificados, pois numa mesma viagem veria natureza, história, turismo enológico e ainda me aventuraria pelo Parque das Figuras Rupestres.

Mas tudo isso ficou só no projeto.

Agências de turismo da Serra da Capivara

Antes de comprar a passagem aérea, iniciei a pesquisa por agências que poderiam me levar até o parque.

Serra da Capivara
Serra da Capivara

Pensei comigo que seria mais fácil. Triste ilusão.

Eu chegaria em Petrolina, e pela importância do parque achei que seria tranquilo organizar minha viagem para a Serra da Capivara.

A visita ao Parque da Serra da Capivara tem que ocorrer, obrigatoriamente,  com guias credenciados.

Acho isso super certo, porque não adianta nada a gente sair caminhando, ver os desenhos na rocha e não ter uma explicação.

Entrando em contato com as agências

Enviei e-mail para alguns guias e agências.

Aliás, aqui cabe um desabafo: Por que as agências não respondem e-mails ?

Modéstia a parte, eu era o turista perfeito: já sabia que queria ir, tinha o dinheiro reservado e estava prestes a comprar o aéreo. Além de tudo isso,  sou blogueiro e meus artigos são publicados em jornais e grandes portais de notícias.

Seria mídia de graça para o Parque da Serra da Capivara.

Só tinha um problema: eu iria sozinho.

Viajo muito sozinho, e escrevi sobre estas experiências neste artigo.

Pois é, viajar sozinho no Brasil não é fácil, pois as agências não pensam neste tipo de turista.

Agências de turismo: Está aí uma oportunidade de negócios para vocês!!

Porém, a partir daí, percebi que não seria fácil.

De todas os contatos que fiz, consegui duas respostas.

Uma de um guia super atencioso que me respondeu, mas ele praticamente me desaconselhou a ir: disse que seria difícil me encaixar em algum grupo, que seria caro fazer privado, etc.

Sabe quando você quer comprar alguma coisa e o vendedor não quer vender ? Assim me sentia.

Mas ainda estava empolgado.

O orçamento de R$ 8.000,00 para 7 dias

Uma outra agência também me respondeu e me mandou um orçamento. Ansiosamente, abri o e-mail e aí veio outro balde de água fria.

A agência disse que poderia me levar até o parque, mas de forma totalmente privada, pelo valor de R$ 8.000,00

Peraí, o parque vale o investimento, mas ainda teria que somar a este valor a passagem aérea e a diária do guia. A viagem estava ficando muito cara.

Entendo todos os custos do tour, mas não sou milionário. Minha viagem para a Serra da Capivara já tinha chegado a R$ 10.000,00, por 7 dias.

Aí me pergunto, tem muita gente com dinheiro, mas quem pode investir uma grana assim ?

Respondi o e-mail e perguntei da possibilidade de fazer parte de um grupo, já que viajaria num feriado e a chance de outras pessoas, na mesma condição que eu, procurarem pela viagem seria grande.

Recebi apenas um: “Não, só temos este tour privativo”.

Quando desisti de ir à Serra da Capivara

Aí, sinceramente, desanimei e desisti.

Comecei a pesquisar na Internet sobre a Serra da Capivara e vi várias campanhas de divulgação do turismo por lá, por outro lado, as agências perdem oportunidades de atender mais turistas.

Em qualquer lugar do mundo, quando a gente quer fazer um tour, as agências montam uma espécia de lista de interesse.

Aí vão formando grupos. Atacama e Salar do Uyuni funcionam assim.

Desta maneira eles não inviabilizam a viagem, e todo mundo tem a oportunidade de conhecer os destinos.

Peço às agências e Secretarias de Turismo que, quando leiam este texto, não entendam como crítica e sim como oportunidade de negócios.

O Brasil é enorme e amargamos a posição 32 no Ranking de Competitividade de Turismo.

Temos atrações históricas, naturais e culturais de sobra, e ainda ficamos atrás de países super pequenos como Luxemburgo, Malásia e Irlanda.

Dá pra notar porque deixamos de ganhar dinheiro com turismo, sem contar os inúmeros novos postos de trabalho que poderiam ser criados.

Bom, este é o primeiro artigo que escrevo sobre um lugar que não fui, mas que está na posição número 1  de desejos de viagem.

Fiquei na vontade!!

Será que alguma agência quer me levar para a Serra da Capivara ?

Compartilhar:
58 comments Add yours
    1. Olá Rodrigo,

      Obrigado por me escrever!! Quero ir sim!!
      Se puder, me envie como são seus pacotes para lá.
      Diego

  1. Cara. Estive lá há 2 anos. Em julho. Fomos (casal) a Petrolina. De Petrolina pegamos ônibus regular até são Raimundo nonato.

    Fizemos serra da capivara em um dia e serra das confusões no outro.

    A empresa foi a selva Branca turismo.

    Veja os valores e roteiro na época.

    “o valor do guia é 150,00 por dia na capivara e 100,00 por dia nas confusões…

    o carro pra um dia na capivara custa de 200,00 a 230,00 e nas confusões 300,00…”

    e trajeto:

    “Capivara :

    desfiladeiro da capivara – sítio do meio – boqueirão da pedra furada.

    Confusões :

    trilha cores da caatinga – gruta do riacho dos bois.”

    1. Oi Luciano,

      Obrigado pelas dicas.
      É que fica um pouco caro fazendo tudo sozinho, em grupo é possível dividir as despesas. É exatamente esta a questão que trago no artigo, pois penso que todos sairiam ganhando.
      Agradeço suas dicas e achei boa a ideia de ir de ônibus de Petrolina a São Raimundo Nonato.
      Abraço
      Diego

  2. Não precisa de agência! É só chegar! Me adiciona no Couchsurfing que te recebo, te apresento aos melhores guias e ainda te dou uma visão da cidade que só os locais podem oferecer!

    1. Oi Mayane,

      Tudo bem ?? Poxa, muito obrigado pela ajuda. Vou te adicionar.
      A questão é que precisa de um automóvel para rodar o parque, certo ?

      Diego

    2. Oi, Mayane, tudo bem? Se puder, também me mandar dicas. Não tenho perfil no couchsurfing (moro numa cidade meio que sem atrativos, no interior de SP, e os intercâmbios não acontecem bem pra quem vem visitar). Se puder indicar outra forma de contato. Meu perfil no instagram é @andreiazaik. Se pudermos conversar por lá, me ajuda muito!!

    3. Boa tarde May, tudo bem? Finalmente consegui remarcar minha passagem, chego se Deus quiser dia 12/10 em Petrolina, te procurei no face e não achei, entrei no strava tenho quase certeza que o perfil que achei era você. Se não for incomodo pode me ajudar com a contratação guia eu vou sozinha. Se puder indicar pousada ou hostel super agradeço. Muito mais muito obrigada.

  3. Sou do Piaui,e recentemente fui conhecer a Serra da Capivara,e é realmente uma viagem no tempo.Vale a Pena.
    O local é exuberante,a natureza,as pinturas as formações rochosas e Museu da Natureza é o mais lindo que eu ja vi!
    A minha dica é você locar um carro em Petrolina,ou mesmo vir jo seu e seguir para Sao Raimundo!
    La em S Raimundo o povo é muito simples e hospitaleiro,e vai te ajudar no que vc precisar.
    Eu fui de carro….foi bem tranquilo.
    Não desista de ir!!! vc vai se encantat!

    1. Oi Rejane,

      Sim, fiquei encantado, achei lindas as fotos que vi.
      O problema é que não queria alugar carro, pois irei sozinho!!
      Tenho muita curiosidade de conhecer a região!!
      Diego

  4. Fui em outubro, com um grupo ótimo, pela Ambiental turismo.
    Pessoal muito entrosado com a infraestrutura de turismo de Petrolina até a Serra da Capivara. TB visitei a Miolo e Sobradinho, TD incluso no pacote. Preço muito justo.
    Agora, com relação à divulgação gratuita… Não sei se é relevante, sinceramente. Tem um trabalho muito consolidado de assessoria de imprensa. Enquanto eu estava lá, vi veículos irem até lá para fazerem reportagens e recentemente vi o programa “em movimento” abrir uma temporada lá.
    Boa sorte! Pra mim, foi fácil!

  5. Oi Diego. Achei seu blog enquanto procurava informações sobre o parque (como chegar, dias a ficar, etc). Lendo seu relato fiquei em dúvida. Vou em casal, com objetivo de ir por conta até a cidade-base e lá contratar guia. Acha que por agência muda algo?!

    1. Olá Daniela,

      Acredito que indo em casal vale a pena alugar um carro e contratar os guias do parque. Meu relato considera que estaria indo sozinho, e não gostaria de alugar carro.
      Indo em dois acho que vale a pena fazer por conta própria.
      Diego

      1. Voltando para dar o feedback. Fomos (eu e meu marido) em janeiro/2020. 5 dias em São Raimundo, incluindo chegada e partido. 2 deles nos circuitos, os demais visitando museus, cerâmica, cidade…Fizemos exatamente isso, alugamos carro em Teresina e fomos para São Raimundo Nonato. E sem agência sai muuuito mais em conta. Ficamos em um hotel bem localizado, no centro da cidade (Mega Express, 100,00 a diária). Contactamos uma guia antes de chegar lá, para já deixar tudo certo. Diária R$ 180,00. E como nós queríamos fazer alguns circuitos, foram dois dias inteiros (manhã e tarde), claro, que com paradas para ir a um restaurante almoçar. Pois, a diária é a mesma se for metade do dia ou o dia todo. Com relação a grupos, não recomendo… melhor ter um guia só para você, pois os interesses quando se tem mais gente no grupo podem ser outros, seja de circuito, de tempo, de intensidade de caminhada, de parada para fotos, de onde subir, a hora de começar o passeio, etc. Lá tem guia com moto, para quem vai sozinho, é a opção.

  6. Meu amigo o ideal seria vc ir ate petrolina e alugar um carro , aí vc iria com o carro até São Raimundo nonato …ja fiz isso em março desse ano. Daria umas 6 horas de viagem aventura! Desbravando a caatinga piauiense. Fica a dica boa sorte amigo. Pode ir vc vai gostar muito…

    1. Olá Marcos,

      Conforme te disse, estarei indo sozinho, e achei os custos de alugar um carro para somente um pessoa muito alto.
      Por isso, sugiro que as agências criem oportunidades para viajantes como eu.
      Abraço
      Diego

  7. Ola! Compreendo bem a sua desilusao, mas eu nao desisti. Estou indo com meu filho (adulto) no final de dezembro passar 1 semana la mas fiz tudo particularmente, sem agencia de turismo. Fica carinho mas menos do que as agencias informaram. Sou professora de Artes Visuais, entao pra mim a visita tem interesse profissional tambem. Boa sorte na proxima tentativa!

  8. Olá, Diego
    Resido em São Raimundo Nonato e seu texto reflete bem a realidade. Os guias turísticos cobra um valor de diária entre 180,00 e 200,00, mesmo se você ficar só um período do dia (manhã ou tarde) e não há negociação. Acontece que aqui é uma região muito quente, se você vier entre Agosto e Dezembro pega as temperaturas chegam a 38°, então é muito difícil para pessoas que não estão acostumadas com esse calor visitar o parque o dia todo. A presença dos guias é obrigatória e fundamental porque eles contextualizam as pinturas e a história do parque, mas ainda falta uma profissionalização do turismo e pensar de fato no turista e, não na rigidez de uma estrutura de visitação que não acolhe todas as demandas.
    Se precisar de dicas, estou à disposição. Não sou natural da região, mas moro aqui há algum tempo. Abraços e boa sorte.

    Ah! E você não precisa de fato de uma agência de turismo, só do telefone de um guia e de um transporte para chegar ao parque. Alguns guias oferecem transporte.

    1. Oi Francielle, tudo bem ?

      Obrigado pelas dicas. Acho super necessário o trabalho de um guia.
      Vou entrar em contato para pedir umas dicas para você!!
      Diego

      1. Olá Diego, tudo bem comigo.
        Espero que ainda esteja animado em vir ao parque. Li os comentários e suas respostas e percebo que de fato a cidade ainda não “acordou” para seu potencila turístico. A formção de grupos para visitação ao Parque deveria ser um serviço oferecido por qualquer agência de turismo.
        Precisando de dicas, mande e-mail.
        Abraços

    2. Francielle, também quero me programar para conhecer a Serra da Capivara. Qual a melhor época do ano para ir conhecer?

      1. Olá,
        Bom o clima aqui, na minha opinião, irá ditar a melhor época. Nos meses de Setembro a fim de Novembro é muito quente, com temperaturas de 35º a 36º TODOS os dias, à noite cai para 27º a 28º. O pessoal aqui chama carinhosamente de B,R,O – BRO. Então, eu indicaria vir só se fosse acostumado com o calor. No fim de Novembro e início de Dezembro começa a chover, pouca intenisdade de chuva, nada comparado ao Centro- Oeste ou Sudeste que chove praticamente todos os dias. Quando começam as chuvas a temperatura ameniza. Noss meses de maio e junho as temperaturas são bem mais amenas. Acredito que seria interessante fugir do clima muito quente (principalmente, Setembro e Outubro) e tentar vir no insterstício antes de começar as chuvas porque você terá a oportunidade de ver as plantas secas, é muito impressionante!
        Estamos acostumados a pensar no Brasil com vegetação sempre verde, a seca da caatinga impressiona e fascina, pois depois de 2 a 3 chuvas tudo fica completamente verde! É muito legal!

  9. Olá Diego,

    Assim como você, sempre viajo sozinha e encontro esses percalços em passeios, que embora sejam considerados turísticos, não oferecem oportunidades para quem está sozinha. Lençóis Maranhenses foi assim, ou me ajusto a um grupo ou cobram uma fortuna e você acaba desistindo.
    A vantagem de viajar no exterior é essa, independente da época, você consegue ir sozinha e conhecer sem ser explorada.
    Não desisto, acho que ainda chegaremos a esse patamar.
    Se conseguir, publica pois acredito que muitos se interessarão em conhecer.
    Boa viagem!!!

    1. Olá Fabrícia,

      Pois é, parece que tem um preconceito com quem viaja sozinho. Também tenho enfrentado problemas assim.
      Desisti de ir naquele momento, mas ainda irei, certeza!!
      Meu artigo é um alerta para quem investe em turismo no Brasil, pois acredito que temos um potenciar enorme, ainda não explorado.
      Diego

  10. Olá Diego,
    Fui com meu marido em setembro para o Piauí, conhecemos a Serra da Capivara, Teresina, Delta do Parnaíba e Barra Grande. Nós adoramos. Alugamos carro em Teresina, mas nosso guia na Serra da Capivara tem carro. Ele é muito bom, o nome dele é Mauro e o contato é [email protected]. Ele pode te dar dicas, pois ele ajudou a montar nosso roteiro.
    Espero que você consiga ir, pois é uma viagem maravilhosa!
    Danielle

  11. Olá Diego,

    Fiquei interessado no seu post porque eu resido em Teresina e já fui morador de São Raimundo Nonato e tudo que diz respeito à Serra da Capivara me desperta muita atenção. Mas se vc pegar um voo até Teresina e ir de ônibus para SRN pode ficar mais em conta que alugar um carro em Petrolina. A empresa de ônibus Princesa do Sul tem um executivo que parte daqui todos os dias por volta das 20h com chegada em lá por volta das 5h30m, aí é só pegar um táxi até a pousada(faça a reserva por telefone) que vai se hospedar. Obs. E se quiser conhecer o Litoral do Piauí me procure porque eu tenho um chalé para alugar na praia e faço o transporte para lá nos finais de semana , à partir de Teresina. Abraço
    Wilson

    1. Oi Wilson,

      Agradeço muito suas dicas. Estão anotadas e em breve quero conhecer este lugar incrível, tenho lido muito sobre.
      Obrigado mesmo por me escrever!!
      Diego

  12. Estivemos na Serra da Capivara em Janeiro de 2018. Fomos por Petrolina, fizemos o passeio do Vapor do Vinho (recomendo muito!) e alugamos um carro para ir até São Raimundo Nonato.
    O Parque Serra da Capivara é muito bonito e acredito que 3 dias sejam mais do que suficientes para conhecer tudo de interessante. Depois, é apenas mais do mesmo…
    O fator calor não deve ser ignorado de jeito nenhum, pois, mesmo bebendo muita água e escolhendo horários antes das 11h ou depois das 3h, tive insolação e parei no hospital em Fortaleza.
    Quanto à chegada a São Raimundo Nonato de carro, foi cansativa devido à péssima conservação das estradas que só melhorou quando chegamos ao destino. Muitos buracos e costelas… Além de péssima sinalização. Quem tiver problemas de coluna deve escolher um carro com amortecedor em dia.
    Comparando preços e comodidade achamos mais em conta alugar um carro com ar e pagar apenas pelo serviço do guia.
    A cidade tem poucas opções de hospedagem e essas poucas opções possuem pouca comodidade. Quanto aos restaurantes, também havia pouca variedade.
    É uma viagem para que exige bastante investimento, disposição e desapego de vários confortos.

  13. Olá! Estava justamente procurando agências de turismo para fazer o roteiro da Serra da Capivara quando encontrei seu artigo. Já conseguiu fazer a viagem? Vi que tem muitas pessoas com interesse e que viajam sozinhas…pensei em criarmos um grupo de interessados no roteiro e nos organizarmos para ir juntos…só teríamos que ver as datas possíveis.

    1. Minha intenção é ir à Serra da Capivara no final do ano. Também viajo sozinha. Talvez eu engrosse o grupo de vocês.

  14. Olá Diego 😁…sou de SP gasta viajo solo de mochilão normalmente. Chego em Petrolina dia 01/04/2020 às 12hs pela Gol …já fiz alguns contatos…achei um guia com moto (uma idéia interessante)…mas se ALGUÉM quiser se juntar a mim pra alugarmos carro , será bem vindo. Zap:11 954584611…Obs: vou tb a Caracol pra trilhas na Serra das Confusões…Abraços a todos!

  15. Olá Diego 😁…sou de SP viajo solo de mochilão normalmente. Chego em Petrolina dia 01/04/2020 às 12hs pela Gol …já fiz alguns contatos…achei um guia com moto (uma idéia interessante)…mas se ALGUÉM quiser se juntar a mim pra alugarmos carro , será bem vindo. Zap:11 954584611…Obs: vou tb a Caracol pra trilhas na Serra das Confusões…Abraços a todos!

  16. Olá
    Concordo em gênero, número e grau com você
    Pretendia ir para a serra da capivara saindo de São Paulo ..
    Mas diante das mesmas dificuldades que vc encontrou. Desisti!!!
    Ficará para outra oportunidade quando estiver a preço acessível e menos tempo para se chegar .
    Está parecendo como alimento orgânico, peças artesanais, uma obra de um artista famoso, que são mais raros no mercado, mas também se tornam os mais caros. E assim limita-se o acesso a todos.
    Sem desmerecer qualquer das opções elencadas acima. Só uma comparação inocente.

    1. Oi Branca,

      Pois é, foi difícil mesmo.
      Tem uma galera muito legal que me deu super dicas. Está tudo aqui nos comentários.
      Quero ir em breve.

      Diego

  17. Nossa, achei que só eu estava com essa sensação. Grato pelas informações. Mas e então, conseguiu ir? É um lugar que pretendo ir sozinho também.

    1. Olá Elandio, tudo bem??

      Ainda não fui, mas a galera deu várias dicas aqui nos comentários.

      Quero ir em breve.

      Diego

  18. As vezes as pessoas criticam quem sai de seu próprio país, no nosso caso Brasil, para conhecer as riquezas de países longínquos e se maravilhar com a cultura dos outros ao invés da nossa. Mas tem que se levar em conta que muitas vezes sai mais barato viajar e fazer turismo em outros países do que uma simples viagem aqui dentro do nosso. Em maio de 2018, fiz um tour de 28 dias de Santiago a Lima (por terra), envolvendo San Pedro de Atacama, Deserto de sal de Uyuni, La Paz, Lago Titicaca, Cuzco e Macchu Picchu, incluindo vários passeios nesse trajeto e não cheguei a gastar 7 mil ao todo. Um Tou de 3 dias e 2 noites no Deserto do Atacama com almoço e dormida inclusos, além de guia e transporte, é claro, ficou na faixa de R$ 680,00 (existem várias agências e preços diferentes). Aí uma empresa te cobra R$ 8.000 para visitar um único parque é de doer.

    1. Olá João

      Muitos locais brasileiros carecem de infra estrutura turística.
      Conversei com diversos profissionais que trabalham na Serra da Capivara e eles me passaram diversas opções.
      Mas vc tem razão, nem sempre o Brasil viabiliza o turismo, e olha que temos lugares incríveis. Basta investimento.

      Diego

      1. Olá Diego, voltei dia 18, da Serra da Capivara. Como estávamos em dois, alugamos um carro em Petrolina. Talvez fosse viável prá você, ir de ônibus de Petrolina a São Raimundo. A estrada está toda asfaltada. Quando estávamos no parque da Serra da Capivara, vimos uma moça que estava sozinha. Ela contratou um guia que tem moto. Acredito ser essa a forma mais em conta. Gostamos muito dos 2 hotéis que ficamos. Em Petrolina, o Reis Palace, bem central, a dois quarteirões da Orla, na altura que pega-se a barca para Juazeiro. Em São Raimundo ficamos no Mega Express, um hotel novo, mas não tem café da manhã. A Pousada Zabelê que fica em frente, tem um bom buffet de cafe, aberto ao público. Eu já havia lido seu post, antes de ir. Acho que você tem todo o perfil prá desbravar um destino como a Serra da Capivara. Não desista! Eu fiquei impressionada com o tesouro que temos aqui.

        1. Oi Loanda,

          Tudo bem ?

          Muito obrigado pelas informações. Pelo que entendi terá que ser neste esquema. Foi legal que recebi muitas dicas, assim como as suas.

          Diego

        2. Olá Loanda. Bom dia.

          Obrigado pela precisao de tuas informacoes.
          Quanto tempo você precisou de carro entre Petrolina e Sao R. Nonato?

          Felicidade

          Alexandre

  19. Olá Alexandre, fizemos os 300km em 4h. Fomos pela estrada que passa em Remanso, que desde outubro está toda pavimentada. O asfalto está ótimo, só que praticamente não tem acostamento e tem muitos animais na pista. Por isso é aconselhável ir devagar e não viajar a noite. Foi bem tranquilo. Saímos por volta de 10:30 de Petrolina e chegamos em São Raimundo a tempo de visitar o Museu do Homem Americano, que fica na cidade. Se precisar de alguma outra dica, pode perguntar. Abraço

  20. Como muitos, cheguei até aqui procurando dicas de como visitar o parque da Serra da Capivara, e me identifiquei com seu relato. Somo, como contribuição, o sofrimento em dobro, já que viajo com minha filha e, em situações como essa, dissolvem totalmente qualquer plano de viagem. Se o custo assusta na viagem solo, pensa no que é multiplicar isso por 2. A gente quer levar os filhos pra ver o mundo, quer lhes apresentar lugares ricos e definitivamente transformadores pra vida, mas que jeito se faz isso, com um custo tão alto?? O aluguel de carro (de que fujo, por conta do incômodo de dirigir solo, sobretudo numa viagem de grande distância), tem uma relação de custo total, atendendo por dois. Já toda saída com um guia, mesmo sendo um serviço compartilhado, em muitos lugares me é cobrado duas vezes, e isso acho o fim. Minha receita de sucesso é SEMPRE procurar o povo local. São mais simpáticos, falam dos lugares com paixão, trazem consigo a realidade local – riquíssima, sempre -, e costumam serem mais realistas com os preços. Nunca falhou! Na real que, conversando com guias por aí, que já atuaram em agências e naquele momentos estavam trabalhando de forma autônoma, o cenário é de exploração, em muitos casos. Cobra-se um valor altíssimo do turista, mas pra o guia o repasse chega a ser ridículo. Da minha parte, nem que eu pudesse pagar, participaria de alguma forma de exploração. Lendo o relato de quem já foi ou conhece a região, fica bem claro que em São Raimundo Nonato o mais acertado é mesmo ir, com a cara, a mochila e a coragem, e encontrar alguém, já na cidade, que lhe acompanhe no passeio. Desejo sucesso e, quando der, encontrar minha oportunidade de visitar a Serra da Capivara também.

    1. Oi Andreia,

      Depois deste relato consegui muita informação. O povo de lá é bastante prestativo. Dá uma olhada nas trocas de mensagens aqui, tem muitas dicas !!

      Diego

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *