Relatos de viagem: 10 tipos de viajantes que já encontrei por aí

Última atualização em

Dizem que viajar junto é um bom teste para uma amizade, namoro ou casamento. Passar a maior parte do dia com as mesmas pessoas exige flexibilidade e tolerância.

Faça o teste e veja se você é uma boa companhia para viajar.

Nas minhas andanças pelo mundo conheci diferentes perfis de viajantes, alguns curiosos e outros engraçados, que de uma maneira ou de outra me ensinaram muito.

Veja alguns relatos de viagem e tipos de viajantes que já conheci.

1 – Viajante prático e desapegado

Já viajei com pessoas bastante desapegadas, aquelas que levam somente o essencial e dificilmente despacham mala no aeroporto, além disso simplificam tudo, levando roupas curingas que combinam com tudo e peças com tecidos que se adaptam ao calor e frio.

Agora que a companhias aéreas cobram para despachar bagagem, viajar só com mala de mão é uma vantagem enorme.

Dá uma olhada nesta matéria com as novas regras.

Uma amiga colocava na mala as roupas “mais usadinhas”, e depois de usar na viagem, simplesmente deixava no hotel para não ter que encher a mala na volta. Dica boa não acham ?

Relatos de Viagem: mochileiro
Viajar cada vez com menos tem sido meu objetivo, ainda não consegui ser tão desapegado, mas estou no caminho.

2 – Viajante Modelo

O contrário do viajante desapegado, é aquele que pensa nas roupas para cada lugar, bem como já imagina que tipo de roupa vai deixá-lo bem nas fotos.

Já vi viajantes que levam praticamente “figurinos”, a maioria deles japoneses, que muitas vezes combinam a roupa com a paisagem.

As fotos ficam incríveis, mas dá um trabalho né ?

Petra
Relatos de viagem: confesso que em Petra comprei aqueles lenços que os árabes usam

3 – Viajante rei da foto

Tem aqueles que adoram uma foto e tiram muitas em pouco tempo, fazendo diferentes poses e enquadramentos.

É legal, porque depois já vira um book, né ? Além do mais, tem foto de sobra para o perfil do Facebook e Instagram.

Hvar - Croácia
Também gosto de fazer aquela linha “tira uma foto e eu finjo que não estou vendo”. Quem nunca ?

4 – Viajante econômico

A frase “viajar gastando o mínimo possível” é uma lei para estes viajantes. Eles conhecem todos os esquemas para pagar nada ou o mínimo possível: sabem os dias mais baratos para as atrações, conhecem os deslocamentos que são mais em conta e restaurantes com comida boa e barata.

Lanche aeroporto
Relatos de viagem: Meus lanchinhos que levo para o aeroporto para não ter que gastar lá. Adoro pão com mortadela.

E o mais importante: provam que é possível viajar sem gastar muito.

Dicas para viajar gastando pouco. Clique aqui.

5 – Viajante baladeiro

Cada pessoa viaja com um objetivo, seja ficar o dia todo num resort, conhecer museus ou estar em meio à natureza.

Viajei com amigos e todos iam para cama praticamente no mesmo horário, mas um deles esperava todos dormirem para sair escondido para a balada. Como se ninguém tivesse visto.

Discoteca
Sou muito do dia quando viajo, mas uma noite ou outra saio para curtir algum bar ou disco

6 – Viajante alpinista

Na verdade não é o alpinista propriamente dito, mas aquele que sempre quer subir em algum lugar para tirar uma foto, pode ser um muro, uma pedra ou um portão.

Relatos de viagem: Cabo Frio
A gente faz tudo para uma boa foto

7 – Viajante porquinho

Ficar em hostel tem lá suas vantagens, mas dividir um quarto com mais pessoas é conhecer os hábitos de cada um. Já me hospedei em alguns hostels onde a maioria das pessoas não tomavam banho diariamente, e nunca eram brasileiros.

Vantagens e desvantagens dos hostels.

Passei uma noite no Deserto de Wadi Rum na Jordânia, e durante o dia fiz várias atividades como andar de camelo, passeio de jeep e caminhadas, tudo isso sob um forte calor. No final do dia estava acabado e imundo e não via a hora de tomar banho.

Veja meu roteiro por Amã, a capital da Jordânia.

Cheguei no acampamento e pensei que teria que esperar, pois todos iriam querer tomar banho antes do jantar. Chegando no banheiro não vi ninguém.

Pensei comigo, eles vão jantar primeiro e depois vão tomar banho. Negativo !! Todos foram direto dormir.

Fiquei de propósito monitorando. Gosto de cuidar da vida dos outros ? Não, chamaria apenas de curiosidade cultural (um nome mais bonito para fofoqueiro).

Somente como informação: meu amigo e eu éramos os únicos brasileiros e os únicos que tomaram banho.

Relatos de viagem: Wadi Rum
O incrível Deserto da Wadi Rum na Jordãnia

8 – Viajante que leva o armário na mala

E tem também aquele viajante que tem medo de não ter a roupa adequada e leva tudo, são diferentes calçados e camisetas pensando em cada situação, noite e dia, frio e calor.

Mas confesso que eu, viajante desapegado, já me aproveitei disso pedindo roupa emprestada.

Bagagem
Viajantes que levam o armário na mala, ou nas malas

9 – Viajante perdido

Viagens mais longas com deslocamentos e passeios seguem um roteiro, mas sempre tem aquele viajante perdido que não sabe onde vai e sempre fica perguntando o que irão fazer depois.

Mas quer saber de uma coisa ? Acho até legal, assim a viagem não fica parecendo um cronograma (mas alguém precisa fazer o cronograma).

Sendo assim, sempre ao lado do Viajante Perdido tem o Viajante Antenado.

Turista perdido
Onde vamos agora ? Que horas tem que acordar amanhã ? Onde vamos almoçar ? Que horas começa o tour ?

10 – Viajante Curioso

Esse sou eu mesmo, quero conhecer aquilo que todo mundo fala que não vale a pena, quero ir naquele lugar que todos falam que não tem nada pra ver e principalmente quero conhecer aquele lugar que ninguém quer ir.

 

CEMITERIO-SARAJEVO
Por conta da guerra Sarajevo tem muitos cemitérios. É um tipo de turismo macabro para você ?

Dá uma olhada nesta lista de lugares exóticos e diferentes que já conheci.

Vocês se reconhecem em alguns deles ? Conta aí para mim alguns relatos de viagem onde encontraram algum viajante diferente por aí.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *